Dicas para manter uma boa postura no trabalho

por Fabi Lins 2.302 views0

Postura-correta-para-sentarA postura correta para se sentar na cadeira evita uma série de problemas sérios, principalmente a dor nas costas, e ainda previne lesões na coluna vertebral. Confira a seguir algumas dicas interessantes para manter uma boa postura ao ficar muito tempo sentado:

Procure não cruzar as pernas

Evite cruzar as pernas e as deixe ligeiramente afastadas, com os pés bem apoiados no chão. É importante que a altura de sua cadeira possa ser a mesma distância entre o joelho e o chão.

Procure sentar sobre o ossinho do seu bumbum

Procure sentar sobre o ossinho do bumbum e volte o seu quadril levemente para frente. Tente manter por bastante tempo as costas eretas, mantendo assim uma curvatura normal da coluna, a lordose deverá existir mesmo sentado e ao ser observado de forma lateral a sua coluna deverá formar um leve S.

Deixe os ombros para trás

Procure manter seus ombros levemente para trás de forma que as escápulas possam ficar bem apoiadas no seu gradil costal.

A posição dos braços deverá ficar correta

Os braços deverão sempre que possível ficar pendidos ao longo do corpo ou ainda os antebraços deverão estar apoiados se possível na sua mesa de trabalho.

Procure sempre olhar para o horizonte se possível

Mantenha o queixo sempre que possível paralelo ao chão e evite ter de baixar a cabeça para ler e se isto for preciso procure comprar um suporte.

O cuidado com a posição da cabeça

A cabeça de um adulto pesa em torno de 5 kg e se você baixar a cabeça para ler a sua coluna terá de suportar um peso como se a sua cabeça pesasse pelo menos 13kg o que poderá provocar uma grande dor de cabeça, bem como dores nas costas, nos seus ombros e até mesmo problemas sérios de hérnia de disco.

Por que é importante se ter uma boa postura no trabalho

A partir do momento que o individuo se senta mantendo uma boa postura, existe uma boa distribuição uniforme das várias pressões sobre os seus discos invertebrais, com isto os ligamentos e os músculos acabam trabalhando de forma bastante harmoniosa evitando assim possíveis desgastes de todas as estruturas que acabam sustentando o nosso corpo.