Como tratar da escoliose

por Editor 198 views0

Sabemos que há diversos problemas de saúde e muitos deles parecem não ser nada no início, porém  com o tempo o simples acaba se tornando muito grave.

Um problema muito comum e quase sempre achamos que é algo sem importância, é a dor nas costas, sempre pensamos que a dor é por conta do mau jeito, dormir errado, ou até passar muitas horas sentado ou em pé.

Algumas vezes pode ser isso mesmo, porém pode haver uma causa mais complexa e que precisa de atenção.

Esse problema pode se chamar escoliose.

A escoliose é uma deformidade, que forma uma curva na coluna vertebral e existe alguns tipos diferentes como a escoliose congênita, que é a de nascença, a escoliose neuromuscular e a escoliose idiopática.

Causas da escoliose

A escoliose neuromuscular é um problema neurológico, como a paralisia cerebral ou muscular. É esse tipo de paralisia que enfraquece os músculos, causando falta de controle muscular, podendo ocorrer doenças como distrofia muscular, espinha bífida e pólio.

Já a escoliose congênita ocorre devido aos problemas de formação dos ossos da coluna vertebral, podendo ser também por problemas de fusão dos ossos da coluna.

A única que ainda não possui uma causa conhecida é a  escoliose idiopática.

Quais os sintomas da escoliose

Um dos principais sintomas, porém parece normal é o desconforto muscular. Esse problema muitas vezes passa despercebido, porém é um sintoma muito frequente, em pessoas com escoliose.

Outros sintomas de escoliose são os ombros e quadris assimétricos e a coluna vertebral encurvada para os lados.

Esses são os sintomas de escoliose, porém há casos em que ela começa de maneira silenciosa, sem manifestar sintomas.

Exames da Escoliose

Para descobrir a escoliose o médico costuma pedir diversos exames mais profundos, como, exames neurológicos para analisar fraqueza muscular, raio-x, tomografia e ressonância magnética, para obter resultados mais eficazes.

Tratamentos

O tratamento varia de acordo com a gravidade do problema, do tipo da escoliose e da região da curvatura. Em certas casos o uso de coletes ajuda muito, porém em alguns outros casos a cirurgia que irá resolver, principalmente em níveis mais avançados.

É muito importante ficar atento as crianças que reclamam de dores musculares, as crianças normalmente não devem sentir dor nessa região, por isso procurar um profissional o quanto antes é o melhor a se fazer.